É sempre bom ter uma sopa por perto...

A minha irmã gosta de avaliar a bondade das pessoas pelo gesto de oferecerem um prato de sopa. Ou seja, o pensamento é algo como:    
     "Se eu estiver numa situação desesperada, será que aquela pessoa me dá um prato de sopa?" - Se a resposta for sim, então estamos perante uma boa pessoa!


Parece-me engraçada esta forma de avaliar as pessoas. E o melhor é que é uma forma simples e muito concreta de olharmos para quem nos rodeia. A pergunta é directa e a resposta é fácil de encontrar sem grandes hesitações. Não questiona se essa pessoa é sincera, se é verdadeira, se é íntegra, se é amável, se tem um bom coração...a resposta à pergunta que coloca é suficiente para perceber tudo isso.


Esta pergunta já é algo que oiço há bastante tempo. Lembro-me de fazermos pequenos "jogos" em que ficávamos a enumerar pessoas que conhecíamos e a colocar esta questão...podiam ser vizinhos, actores, cantores, pessoas conhecidas, o senhor da mercearia, a senhora que nos servia o café todos os dias...o céu era o limite!

 

{My sister likes to evaluate the people kindness by the gesture of offering a bowl of soup, i.e, the thought is something like: "If I'm in a desperate situation, will that person give me a bowl of soup?" - If the answer is yes, then it’s a kind person!

To me it’s a funny way of evaluating people, and the best thing is that it’s a simple and concrete way to look at those around us. The question is straightforward and the answer is easy to find without much hesitation. She does not ask whether this person is sincere, if is a true person, if is of integrity, if is kind, if it has a good heart ... the answer to the question that arises is enough to realize all this.
This question is something I hear for a long time. I remember doing small "games" where we were to list people we knew and to place this question... they could be neighbors, actors, singers, known people, the guy from the grocery store, the lady who served us coffee every day... the sky was the limit!}

Convidei a minha irmã para prepararmos uma sopa e voltarmos a fazer a nossa "lista" de boas pessoas. É sempre engraçado voltarmos fazer este "jogo"...acaba por ser um momento de forte cumplicidade e de grandes gargalhadas! Às vezes, é bom simplificar as coisas...

{I invited my sister to prepare a soup and do our "list" of good people one more time. It's always funny to go back to this "game"... it turns out to be a time of strong complicity and big laughs! Sometimes it’s good to simplify things ...}